Conheça os mais diversos tipos de baquetas e suas sonoridades

Todo baterista precisa não apenas de uma bateria adequada, mas também de baquetas ideais para o tipo de som que deseja tocar. Ao contrário do que muitos iniciantes e leigos pensam, baquetas não são todas iguais. 

Existem vários tipos, cada um deles com suas características específicas e indicações diferentes. Além disso é preciso ter em mente que a baqueta também pode ter diferentes ponteiras e ser feita de vários materiais. Tudo isso precisa ser levado em consideração antes de você escolher as suas! 

Quais são os tipos de baqueta?

Para conseguir escolher a sua baqueta você precisa entender quais são os tipos disponíveis e em quais casos eles são os mais indicados. Para te ajudar separamos as principais categorias desses acessórios e vamos mostrar quando você deve usar cada um. Confira! 

1- MALLETS

A baqueta do tipo mallet pode ter a ponteira de diversos materiais, desde madeira até metal.  Elas são indicadas para quem deseja obter um timbre mais pesado e robusto na bateria. Também são muito indicadas para quem vai tocar outros tipos de instrumentos como xilofones, marimbas e as tradicionais percussões de orquestras. No caso da bateria você terá um timbre diferente do tradicional. O bacana desse tipo de baqueta é que você pode ter uma grande opção de timbres apenas modificando alguns elementos dela. Por exemplo, uma baqueta mallet com a ponta no formato de barril e em madeira vai soar totalmente diferente de uma que seja de madeira mas tenha a ponta de feltro. 

2- ACÚSTICAS

A baqueta acústica tem como principal diferencial o fato de ser composta por várias varetas de madeira. Além disso ela também não possui a tradicional ponteira arredondada. Por isso o som gerado por esse tipo de baqueta tende a ser mais suave. Outro diferencial do acessório é que, geralmente, ele vem com uma fita ou borracha reguladora. Com essa característica é possível ajustar o quão firme as varetas irão ficar. Elas também podem ser feitas de nylon ou outros materiais e são indicadas para quem deseja um som mais leve na bateria. 

3- VASSOURINHAS

As vassourinhas são baquetas típicas de músicos que tocam jazz. São feitas com cerdas de metal e oferecem um som leve como o das acústicas, mas um pouco diferenciado. Elas são indicadas para quem deseja fazer sons diferentes. Isso acontece porque você pode arrastar elas pela percussão e tambores, criando sons arrastados.

As vassourinhas normalmente são feitas de plástico. Um dos principais diferenciais é que alguns modelos contam com um puxador que permite que as cerdas sejam guardadas, aumentando a durabilidade do acessório.

4- FIBRA

O último tipo de baqueta que citaremos aqui é a baqueta de fibra de plástico. Ela é feita com um plástico especial, que a torna super resistente. Essa baqueta gera um som mais seco e impactante, por conta de seu material. Ou seja, é indicada para quem deseja um tipo de timbre mais marcante. Um dos grandes diferenciais desse tipo é a sua durabilidade. 

Agora que você sabe como escolher baqueta mais recomendada para seu estilo, será mais fácil dar o próximo passo rumo ao sucesso musical!

Sobre Universidade do Áudio

Engenheiros de áudio, produtores musicais e músicos profissionais de prontidão gerando conteúdo de qualidade para você :)