5 dicas para escrever música com mais facilidade

Para muita gente escrever música parece algo impossível e complexo. Tanto que existem muitos músicos, iniciantes e experientes, que preferem ficar apenas nos covers. Contudo, criar músicas próprias é uma das melhores atividades para quem toca um instrumento musical. Por meio desse tipo de processo é possível desenvolver mais as habilidades musicais e ainda ter uma criação que transmita a sua personalidade. 

Se você tem dificuldades neste processo, confira abaixo algumas dicas de como escrever música com mais facilidade. 

1. Anote todas as suas ideias

A primeira dica é anotar todas as suas ideias em um papel ou no próprio smartphone. Mesmo que elas não façam muito sentido em um primeiro momento, ao anotar você evita se esquecer delas e pode aprimorá-las em um momento mais adequado. Vale anotar desde trechos da letra até acordes para a harmonia e melodia.
 
2. Faça o exercício da palavra dita

O exercício da palavra dita é bem simples e ajuda muito a escrever música. Basicamente você terá que ler a letra da sua canção deixando completamente de lado ritmo e melodia. Isso te ajudará a identificar trechos forçados ou que não façam sentido e até mesmo palavras que estão sendo usadas de forma equivocada. 

3. Grave seus momentos de inspiração 

De vez em quando bate aquela inspiração e você só quer tocar seu instrumento musical. Nessa hora, ligue o gravador do celular e grave tudo! Você poderá usar essa gravação posteriormente para ajudar no processo criativo. Isso também evita que você esqueça aquele conjunto de acordes que soaram perfeitos juntos.

4. Foque em uma coisa por vez: melodia ou letra

Na hora de escrever música, muitos artistas e músicos focam em fazer tudo em conjunto. Contudo, isso pode acabar atrapalhando o processo criativo, principalmente de quem está iniciando. É mais difícil desenvolver a ideia se você tiver que pensar em tudo de uma só vez.
Então a dica é focar em uma parte e depois ir para outra. Tente começar pela letra, uma vez que ela é parte que envolve mais revisões. Quando ela estiver pronta, comece a trabalhar ritmo e melodia. Quando você perceber, estará com uma canção finalizada.

5. Faça o exercício da melodia cantada 

O exercício de melodia cantada funciona da mesma maneira do que o de palavra dita. Mas, nesse caso, o elemento que ficará de lado é a letra. Tente focar apenas na melodia e no ritmo. Basicamente você deverá entoar a melodia da música sem usar qualquer instrumento. Assim será mais fácil perceber se ela faz sentido, se tem lugares em que pode ser melhorada. Você deve entoá-la repetidamente. Isso também te ajudará na parte de memorização que é tão importante para os músicos.

Viu como escrever música não precisa ser um bicho de sete cabeças? É uma questão de colocar essas dicas em prática e aos poucos seu processo criativo se tornará mais fácil e simples, como respirar. 

Quer mais dicas como essas? Aproveite para nos seguir nas redes sociais.

Sobre Universidade do Áudio

Engenheiros de áudio, produtores musicais e músicos profissionais de prontidão gerando conteúdo de qualidade para você :)